SafeCheckout ajuda a confirmar a identidade de clientes desconhecidos

Atualizado: Jul 31


Um antifraude inovador e descomplicado, que permite confirmar a identidade dos clientes novos e desconhecidos.


Um dos maiores desafios das vendas online é a confirmação da identidade de quem está comprando.


Como não existe vínculo de qualquer cartão de crédito com seu titular, a atenção e cuidado se volta para o comprador. Ele é quem está recebendo o produto ou serviço e, se estiver utilizando um cartão clonado, o dono do cartão pode ser tão vítima quanto o você. Claro que existe a contestação da própria compra por má fé, mas em menores proporções.


Como medida de prevenção à fraude, antes de enviar o link de pagamento do PayLink, você pode ativar o SafeCheckout, o que tornará obrigatória a digitação do CPF do comprador, e fará com que ele tenha de responder algumas perguntas, como forma de confirmar sua identidade.


Ao enviar o link com o SafeCheckout ativo, a plataforma consulta o CPF informado em bases cadastrais oficiais (Receita Federal, Bancos e Birôs de Crédito), para formular um questionário de múltipla escolha, com perguntas pessoais que geralmente só o titular do documento saberá responder. O tempo é ajustável e deve ser o menor possível, para evitar que o fraudador consiga pesquisar as respostas..


Burocracia zero, o teste é rápido, simples, mas eficiente. Além de reduzir o índice de fraudes, passa muito mais credibilidade ao seus clientes, tanto do seu estabelecimento quanto do meio de pagamento que você utiliza.


Na hipótese do fraudador informar um CPF falso, ou até mesmo do titular de um cartão roubado ou clonado, dificilmente passará pelo teste.


Informações obtidas através do SafeCheckout::


1. Email

2. Geolocalização pelo IP da máquina em que foi efetuado o pagamento;

3. Tipo de dispositivo utilizado no pagamento;

4. Navegador utilizado no pagamento;

5. Sistema operacional;

6. Respostas certas x tempo de resposta x elemento surpresa do teste


O cruzamento de todas essas informações, somadas ao endereço de entrega, podem ajudar a estabelecer um vínculo do comprador com a venda, na tentativa de reverter uma contestação de compra (chargeback) ou reaver o produto vendido.


Enfim, este método pode ajudar bastante na redução de prejuízos decorrentes de contestações fraudulentas. Outras medidas complementares, podem diminuir seus riscos ainda mais. Leia nosso Blog sobre "Como se proteger de fraudes utilizando o PayLink"..


© 2018-2020 - PAYLINK - Todos os direitos reservados - CNPJ: 24.604.796/0001-50  Av. Presidente Juscelino Kubitschek, 2.041 - Bl. B - 5o a.

Vila Olímpia - São Paulo - SP - CEP 04543-011 Tel.: +55 (11) 2844-8520 - WhatsApp: +55 11 4119-4969      Termos de Uso e Política de Privacidade